#SerMaeÉ…

Você só vai dar o tal valor para um noite inteira de sonho quando for mãe

Não cansar de olhar as roupinha fui bebê

Sou uma boa mãe, mas, confesso… Às vezes uso roupas sem passar no bebê

Virar paparazzi do bebê

Querer licença maternidade de um ano

Passar a noite em claro e ainda ter que dar conta das tarefas no dia seguinte. (mãe cuidando do filho)

Ter um marido que faz mais bagunça que a criança.

Ver o marido futucar a criança quieta até ela chorar e depois entregar para a mãe ocupada fazer parar.

Ter dias de mulamba.

Sair de casa atrasada porque o bebê exigiu mais atenção do que o normal.

Sofrer com o fim da licença maternidade.

Querer ser rica só para poder se dedicar exclusivamente à maternidade.

Deixar o filho com a cuidadora e junto entregar uma lista de recomendações.

Deixar o bebê com a avó e ligar de hora em hora para saber que está tudo bem.

Ter que aprender a confiar que o cuidador vai ser tão gentil e amoroso quando você.

Ficar louca com as exigências dar creches e escolinhas.

Receber visitas catando os brinquedos pela casa.

Arrumar a casa e desejar que ela fique assim por pelo menos 30 minutos.

Esquecer todos os problemas da vida quando vê seu bebê sorrir para você.

Sair para comprar coisas para você e voltar com itens infantis.

Passear na pracinha no domingo de manhã

Fazer as refeições correndo, muitas vezes de pé na cozinha.

Fazer as refeições com o bebê no colo.

Passar shampoo no cabelo e o bebê acordar chorando.

Convidar amigas para uma reuniãozinha em casa e pedir ajuda da turma para arrumar tudo.

Levar o filho para vacinar e querer chorar junto com a criança.

Mande sua sugestão do que é ser MÃE. Maeemduplajornada@gmail.com

Facebook Comments

Deixe seu comentário

Comentar

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.