Como cresce a minha gigantinha!

Parece que foi ontem que ela estava como um vegetalzinho no meu colo: quietinha e dorminhoca. Passou 1 ano e 3 meses! Ela anda agarrada em nossas mãos e também segurando nas coisas. Ainda não anda sozinha porque não percebeu que já consegue, mas para incentivar, eu passo a canga pelo peito dela e seguro, assim ela se sente solta e com as mãos livres. Anda praticamente correndo. Ela fala seu bebenês perfeito e já tem palavras que conseguimos entender como “quié quié quié?” imitando a gente a falar “quem é?” para brinquedos como Peppa, Luna, Pocoyô. Também grita “api” (passarinho) sempre que vê um. “Mam Mam” é a mamadeira, seja de água, suco ou leite. Já tentei ensinar falar água, mas ela ri e não repete… Tudo tem seu tempo.

16106000_10208636188762389_7408749132182616955_nSão tantas novidades na vida dela que chega a ser engraçado. Ela se alegra ao ver outras crianças. Gosta de brincar com as coisas do quarto dela e também com aquilo que não queremos que ela mexa… Nessa parte ela já vai com a mãozinha dizendo “nanaum…”. Sinceramente, eu não grito com ela e muito menos fico dizendo milhares de “nãos” ao longo do dia. Digo “Isis, não!” para o que é realmente sério e, de resto, mudo o foco de atenção dela dando outro brinquedo, chamando para ficar perto de mim, falando para ela ir procurar os gatos… Eu digo “não”, mas uso a palavra com sabedoria e sem exageros. Tem funcionado muito bem até o momento.

Os marcos do desenvolvimento são claros. Ela já sabe observar a diferença entre objetos, por exemplo, as cores e desenhos das chupetas, a diferença entre um pente e outro, entre as pecinhas do brinquedo da “caixa-encaixa”. Isis também repete nossos gestos. Aproveitei para ensinar a tossir colocando a mãozinha na frente da boca. rsrsrsrs Ela aperta os botões do controle remoto apontando para a TV (o que faz o canal mudar o tempo todo, quando eu não tiro as pilhas de dentro…). Já conhece os ícones da Netflix e do Youtube no tablet e já grita (mesmo) Paaaaapa oin oin (Peeeeeppa). Bate palmas e diz “eeeeeeee” para cada ação que ela julga como sendo boa como comer, colocar coisas no balde e por aí vai.

As dificuldades da minha vida… Ir ao supermercado, lojas, farmácia ficou mais complicado. Antes ela fica tranqüila no carrinho, agora ela só quer saber de “chão chão chão” e correr e mexer em tudo. Eu a deixo no chão, mas vou ensinando que não pode colocar a mão nas coisas. Nas áreas com itens que podem quebrar, eu realmente coloco de volta na cadeirinha ou no colo o que resulta em um pouco de pirraça, mas que ainda consigo resolver dando algo para distrair como a chave de casa, porque normalmente esqueço as chavinhas de brinquedo…

É isso: minha bebezuda está crescendo.

Facebook Comments

Deixe seu comentário

Comentar

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.